Número 3 (2009)

Tema: Conhecimento e(m) Hipermédia

Organizadores: Rui Torres & Sérgio Bairon

O terceiro número da Revista Cibertextualidades propõe uma reflexão acerca das condições de produção do conhecimento em meio digital. Os artigos seleccionados para publicação articulam posições teóricas distintas, negociando a aplicação de modelos de leitura da hipermédia em contextos diversos. No meio dessa diversidade é possível identificar um trânsito entre as ciências humanas e sociais e as tecnologias da comunicação e da informação pelo qual se relacionam a literatura, a comunicação e a cultura com os meios digitais, demonstrando uma preocupação comum com a criação de metodologias que desmontem o percurso dialógico pelo qual o conhecimento se vai apropriando da hipermédia como ferramenta e como suporte para criação e para a comunicação de ciência. Neste sentido, tornam-se relevantes as análises de produções hipermediáticas realizadas em contexto académico, questionando frequentemente as modalidades de representação do pensamento analítico e reflexivo e propondo, dessa forma, desafios à própria expressividade da comunicação científica. Uma análise das possíveis relações entre os processos de investigação em ciências humanas e sociais e suas possibilidades de representação em plataformas digitais abre, conforme se tenta provar com esta publicação, perspectivas de trabalho que se sustentam em redes de conhecimento, na inteligência colectiva e conectiva, nas tendências expressivas dos multimeios. Para isso, discutimos e propomos tipologias e taxonomias para a compreensão destas cibertextualidades líquidas, compreendendo o estatuto da escrita e da leitura no novo contexto da comunicação digital como resultado de uma construção histórica do próprio conceito de conhecimento.